O CARRO NA SOCIEDADE AGRARIA GALEGA